Gestão, Recolha e Entrega de dados: Ipsos Observer
OUR SOLUTIONS

Trabalho de Campo e Entrega

Os serviços de Campo e Entrega da Ipsos Observer são líderes de mercado na recolha de informação, e comprometem-se a fornecer dados de alta qualidade e a um preço competitivo.

Contexto do cliente

  • Precisa de ter acesso a dados em muitos países e em diferentes regiões, ao mesmo tempo?
  • Quer respostas rápidas e económicas para questões relativas aos seus negócios?
  • Quer ter dados confiáveis fornecidos por uma empresa de estudos de mercado?

Soluções

As nossas equipas de operações online e offline estão sob a mesma liderança estratégica. Tal garante que estejamos sincronizados em relação à agenda dos clientes e sintonizados em relação aos métodos de recolha de dados a selecionar para cada projeto. Desta forma, garantimos abordagens consistentes, mas especializadas quando necessário.

Esta sintonia global também abrange questões de qualidade e inovação, paralelamente com uma abordagem fortemente centrada no inquirido, assegurando o envolvimento entre diferentes perfis de população, países e programas. Saiba mais sobre a nossa “Qualidade dos Dados”

O futuro da recolha de dados será certamente multiplataformas. Oferecemos um incomparável compromisso em envolver os inquiridos do futuro, através de iniciativas líderes na indústria, tais como: estudos Device Agnostic (multi-equipamentos) e entrevistas face a face digitais. Saiba mais sobre o serviço "Device Agnostic".

Temos a dimensão e a experiência para fornecer estudos líderes do setor, com acesso a uma vasta base de dados de inquiridos, atendendo às necessidades dos clientes independentemente do objetivo do estudo.  Os nossos painéis permitem um profundo alcance do país, assim como acesso a mais de cerca de 150 países ao redor do mundo.

  • Online e Mobile: Alcançamos os nossos entrevistados através de dois painéis principais.
    • Painel Questionários | Online: constitui a principal fonte de investigação da Ipsos Apeme. Exclusivo para estudos online e mobile, conta com uma comunidade ativa de 38.600 indivíduos, de norte a sul de Portugal, incluindo as regiões autónomas da Madeira e Açores.
    • Painel I-Say: é o painel online global da Ipsos, o qual utilizamos como fonte prioritária de informação em estudos internacionais que envolvam outros mercados. Conta com uma comunidade ativa de 4.5 milhões de membros, em cerca de 50 países. É, também, utilizado para investigações locais complementares, uma vez que possui já 15.700 membros ativos em Portugal.
  • Face a Face: realizamos entrevistas em casa ou em localização central através de CAPI (Computer-Assisted Personal Interviewing) ou PAPI (Paper-and-Pencil-Interviewing).
    • A nossa rede global de 15.000 entrevistadores realiza entrevistas face a face em qualquer mercado.
    • A nível local, contamos com cerca de 40 entrevistadores e recorremos frequentemente  a estruturas mais vastas de trabalho de campo.
    • Desenvolvemos mecanismos de supervisão automáticos (data checking, time checking…) e manuais (supervisão direta e pessoal, e recontacto).
  • Telefone: utilizamos o sistema CATI (Computer-Assisted Telephone Interviewing), paralelamente com outras técnicas de recolha de dados, como os estudos online ou mobile, para maximizar a conveniência do envolvimento com os inquiridos e otimizar as taxas de resposta.

Case studies

O nosso cliente necessitou de um painel de consumidores inexistente no mercado – portugueses residentes no estrangeiro. A dificultar, a inexistência de bases de dados credíveis com contactos deste target, impossibilitava o contacto direto para potencial angariação. A Ipsos Apeme desenvolveu um sistema de networking baseado na interação com as casas da cultura, espaços recreativos e outros pontos de contacto de emigrantes portugueses, em cada país destino. Paralelamente, criou uma página de Facebook especialmente dedicada a portugueses que residem no estrangeiro e que é alimentada por conteúdos relevantes e onde são angariados potenciais entrevistados. Com base numa interação de mais de 12 meses, a Ipsos Apeme detém hoje o único painel de portugueses a viver no estrangeiro.