A caminho de um planeta com menos pessoas

Estamos prontos para o choque do declínio da população mundial?

Emptier PlanetA mudança demográfica não é necessariamente algo bom ou mau, mas sem dúvida que é algo importante. E as implicações para o futuro do mundo são significativas. 

O grande momento determinante do século XXI ocorrerá dentro de cerca de três décadas, quando a população mundial começar a diminuir.

Contrariamente ao que se possa pensar, a verdade é que a população da Terra não está a crescer fora de controlo. Em vez disso, estamos a dirigir-nos para uma crise populacional. A humanidade, composta hoje por 7,8 mil milhões de pessoas, dificilmente chegará aos 8,5 mil milhões antes de cair em declínio e com a apromixação do fim do século voltará ao nível em que se encontra atualmente.

Esta tendência não está apenas a ocorrer numa mão-cheia de países, está a acontecer em todo o mundo. Os fatores que impulsionam este declínio são existentes e estamos já a sentir os efeitos em muitos aspetos das nossas vidas.

O documento “Emptier Planet”, escrito por Darrell Bricker, Global CEO de Public Affairs da Ipsos, explora o provável cenário de mudança e redução da estrutura global da população, analisando fatores impulsionadores (incluindo a urbanização e a emancipação das mulheres), tendências relacionadas (tais como o amadurecimento da população), possíveis impactos do Covid-19 e implicações para as sociedades e empresas.

Pode assistir à apresentação de Darrell Bricker no webinar “Dynamic Planet”, organizado em celebração do Dia da Terra 2021, ou fazer o download da apresentação.

Pode ainda ler mais sobre este tema em "Empty Planet", um livro em co-autoria com Darrell Bricker.

Para ouvir Darrell a debater os principais temas do paper e a explorar o impacto das tendências demográficas na sociedade, economia, cultura e política, clique neste podcast de 40 minutos apresentado pelo Ipsos Knowledge Centre ⬇️