Ipsos Apeme e Mastercard apresentam estudo sobre meios de pagamento

Na passada quarta-feira, Paulo Raposo, Country Manager da Mastercard em Portugal, e João Colimão, Senior Project Manager & Loyalty Specialist da Ipsos Apeme apresentaram o mais recente estudo sobre os hábitos e atitudes do segmento português 60-74 face à evolução dos meios de pagamento.

Ipsos Apeme e Mastercard apresentam estudo sobre meios de pagamento

Autores

  • João Colimão Senior Project Manager & Loyalty Specialist
Get in touch

O estudo "Hábitos e atitudes face à evolução dos meios de pagamento" realizado pela Ipsos Apeme para a Mastercard, foi apresentado na passada quarta-feira aos meios de comunicação social, nas instalações do Internacional Design Hotel, pela voz de Paulo Raposo, Country Manager da Mastercard em Portugal, e João Colimão, Senior Project Manager & Loyalty Specialist da Ipsos Apeme. 

A apresentação teve como foco principal a partilha de resultados e insights do estudo. Baseado em 600 entrevistas telefónicas realizadas ao segmento português 60-74 anos, o estudo pretendeu perceber os hábitos e usos dos diferentes meios de pagamento disponíveis e a forma como o segmento perspetiva o futuro da utilização destes meios. 

Segundo Paulo RaposoCountry Manager da Mastercard,

"o estudo surpreende porque desmonta o mito urbano de que os nossos pais e avós não estão a acompanhar a evolução tecnológica. É certo que ainda existe uma forte relação emocional com o dinheiro (em numerário), mas essa relação tem, sobretudo, uma expressão mais significativa naqueles que residem no interior, mas também nos que têm menos escolaridade".

Mas o que significa "acompanhar a evolução tecnológica"? - pergunta-se. Significa, antes de mais, acompanhar as opções de pagamento disponíveis, conhecê-las e utilizá-las. 

Para além da utilização do cartão em substituição de dinheiro (em numerário), da apetência para a utilização de telemóveis e computadores com acesso à internet, da consulta de movimentos de conta via online e, ainda que esporádico, da realização de compras online, Paulo Raposo comenta:

"o estudo também nos revela que é preciso continuarmos a investir em campanhas de sensibilização para as vantagens dos novos meios de pagamento, nomeadamente, em relação ao Contactless, que, pelos dados do estudo, é, sem dúvida, o próximo nível tecnológico do sector dos pagamentos a que este segmento da população mostra uma total abertura e vontade de utilizar".

 


Se quiser obter mais informação sobre o estudo e principais resultados faça o download do Press Release da Mastercard Portugal ou leia as seguintes notícias:

Jornalecoómico


diáriodenotícias


jornaleconómico

 

Autores

  • João Colimão Senior Project Manager & Loyalty Specialist